segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Passeio por Mafra


E de repente, combinado em cima da hora e meio à maluca, lá fui até Mafra na melhor companhia que podia ter. 
Não é um sitio muito grande mas tem coisas muito giras para ver e quando o tempo é bem aproveitado, cada segundo vale a pena.
E lá fomos, cheios de sono, numa viagem até Mafra.
O primeiro sitio a visitar foi o Convento de Mafra. Os bilhetes custam 6€ ou 3€ com desconto de Cartão de Estudante ou Cartão Jovem. Como podem ver não é muito caro e vale a pena.


Acabámos a visita cheios de fome (aquilo ainda é grande) e fomos ver do almoço. Como somos jovens e "tesos que nem um carapau" não nos podemos aventurar por grandes restaurantes. Como o fofinho conhecia bem Mafra, almoçámos no Mister Burguer, bem perto do Convento, É uma espécie de MacDonalds mas bem melhor e mais barato, garantidamente. Tem hambúrgueres no pão, no prato, com os mais diversos ingredientes. São feitos lá e podemos substituir a carne de vaca por frango em todas as opções disponíveis, o que foi fantástico para mim que não gosto de carne de vaca.


Após o almoço e um café numa esplanada lá perto, cheios de sono, ainda fomos visitar o Jardim do Cerco que fica ao lado do Convento. Giro? Muito giro! Mas não aconselhável a pessoas cheias de sono, pela hora do calor e de barriguinha cheia ainda por cima (sim, era assim que andávamos). Lá fomos e um pouco a custo visitámos o jardim, encantados, fascinados, tudo muito giro. E não se paga entradas. O jardim tem ainda um parque infantil e um parque de merendas com um pequeno bar lá no meio. Ótimo para um piquenique em família.




Após descansarmos um pouco. Pegámos no carro e fizemos mais alguns quilómetros. Não vos sei dizer quantos mas entre 5 a 10. Fomos visitar um sitio que se chama Sobreiro. Conhecem? Eu não conhecia e nunca tinha ouvido falar. Fez-me um pouco lembrar o Portugal dos Pequeninos. De todo o dia acho que foi o sitio que mais gostei. Mais uma vez não se paga entrada, o que gastámos foi 2€ num pão com chouriço que é o melhor do mundo e são confecionados lá dentro.
Aldeia de José Franco, com a maioria das coisas recriadas em barro e cerâmica por esse mesmo senhor. Uma pequena aldeia que recria vários locais e momentos do antigamente. Um dia que tiver filhos vou lá voltar certamente.
Tem também um pequeno parque infantil e algumas mesas e bancos onde se pode estar a descansar, relaxar ou a comer um lanchinho. Recomendo totalmente a visita a este local, tanto para adultos como para crianças.





Finalizámos a nossa viagem com um passeio ao pé da praia, na Ericeira que me soube muito bem. Jantámos por lá mas não me recordo, de todo, do nome do restaurante. 
Hei-de lá voltar e depois conto-vos como foi.


Foi um dos melhores dias que passámos juntos, Às vezes não é preciso muito, basta que tiremos tempo para nós, tempo a dois, para que as coisas corram bem e para que sejamos felizes.
Acho que encontrei: o tal :)

E vocês, conhecem Mafra? Ficaram com vontade de conhecer estes sítios fantásticos?



4 comentários:

  1. Não conheço e fiquei cheia de vontade!

    ResponderEliminar
  2. Que fotografias fantásticas!!! :) Nunca fui a Mafra, mas é um dos sítios que gostava muito de ir, deve ser super giro!

    ResponderEliminar
  3. Que belo passeio!! As fotos mostram bem isso. Por acaso já não vou a mafra à algum tempinho =)

    ResponderEliminar